ANAC inspeciona aeroporto e Nova Mutum aguarda autorização para iniciar voos comerciais

O Aeroporto Brigadeiro Eduardo Gomes de Nova Mutum está prestes a receber autorização da Agência Nacional Aviação Civil para iniciar voos comerciais. A equipe de fiscalização analisou, há poucos dias, as condições da pista e a estrutura do aeroporto como procedimento necessário para homologação e regulamentação junto ao Comando da Aeronáutica e Agência Nacional da Aviação Civil. O parecer regulamenta também o uso do espaço aéreo.

O secretário de Planejamento Mauro Manjabosco disse que a equipe fez pequenos apontamentos sobre a necessidade de adequações. “Foram apontamentos pontuais, todos já sanados coma presença dos próprios fiscais e acredito que, nos próximos dias, teremos novidades sobre a operação de nosso aeroporto”.

Desde janeiro, a prefeitura trabalha para mudar o perfil do aeroporto de privado para público. Em maio, o 4º Centro Integrado de Defesa Aérea e Controle de Tráfego Aéreo (Cindacta IV) emitiu parecer favorável.

O terminal de embarque e desembarque do aeroporto foi inaugurado em março de 2017. O Aeroporto Brigadeiro Eduardo Gomes conta com uma pista de 1.600 metros de extensão, com 24 metros de largura, toda pavimentada.

O prefeito Adriano Pivetta concentra esforços para que a homologação seja feita, nos próximos dias, uma vez que o município tem um acordo com uma empresa começar voos comerciais diários Nova Mutum-Cuiabá. “Este é o primeiro passo, queremos iniciar as operações com a Asta, mas nossa equipe vai trabalhar para atrairmos mais empresas que façam essas pontes regionais, com isso integraremos Nova Mutum a malha aérea de todo o país”, destaca Pivetta, através da assessoria.

A empresafirmou uma parceria para iniciar as operações com uma linha diária entre Nova Mutum e Cuiabá. Atualmente, atua em 10 cidades matogrossenses e deve ter sua malha ampliada para outros 10, utilizando aeronaves modelo Grand Caravan, com capacidade de transportar 9 passageiros e 2 tripulantes.

fonte: Só Notícias (foto: assessoria)


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*