Carro atinge ciclistas e pedestres e se choca com barreira em frente ao Parlamento britânico

Três pessoas ficaram feridas. Motorista do veículo foi detido por suspeita de ataque terrorista.

Motorista joga carro contra ciclistas em Londres e atinge barreira perto do Parlamento

Motorista joga carro contra ciclistas em Londres e atinge barreira perto do Parlamento

Três pessoas ficaram feridas nesta terça-feira (14) depois que um carro atingiu ciclistas e pedestres e depois se chocou contra as barreiras de segurança na frente do Parlamento britânico, em Londres. A Polícia Metropolitana informou que o motorista do veículo, de mais de 20 anos, foi detido por suspeita de ataque terrorista.

Testemunhas disseram que o motorista jogou de propósito o carro contra os pedestres, antes de colidir contra a barreira de segurança. O incidente ocorreu às 7h40 do horário local (3h40, pelo horário de Brasília).

O incidente está sendo tratado como um ataque terrorista, mas ainda não foi confirmado como tal. Neil Basu, chefe da unidade antiterrorista da Scotland Yard, que lidera as investigações, afirmou que o homem detido não era conhecido dos serviços de segurança.

“Dado que aparenta ser um ataque deliberado, o método e esse sendo um lugar histórico, estamos tratando como um ataque terrorista”, declarou.

Os três feridos foram atendidos no local após o incidente. Dois deles foram encaminhados para hospitais, de acordo com os serviços de ambulância. Os ferimentos não aparentavam ser sérios.

Imagens mostram momento em que carro bate em barreira de segurança do Parlamento Britânico

Imagens mostram momento em que carro bate em barreira de segurança do Parlamento Britânico

As ruas perto da Praça do Parlamento de Westminster foram fechadas para o tráfego após o incidente que aconteceu às por volta de 7h30 (no horário local). A estação de metrô Westminster foi fechada.

Segundo a imprensa local, dez carros da polícia e três ambulâncias foram à região do Parlamento.

O motorista, que não teve a identidade divulgada, está sendo interrogado em uma delegacia no sul de Londres. A polícia informou que ele estava sozinho no carro, que permanece no local do incidente. Não foi encontrada nenhuma arma dentro do veículo.

Suspeito de atropelamento em Londres ainda não teve identidade revelada

Suspeito de atropelamento em Londres ainda não teve identidade revelada

A primeira-ministra Theresa May se manifestou logo depois do atropelamento. “Meus pensamentos estão com os feridos no incidente em Westminster e meus agradecimentos vão aos serviços de emergência por sua resposta imediata e corajosa”, disse May no Twitter.

O presidente americano Donald Trump afirmou que foi um “ataque terrorista”, apesar de a polícia de Londres ainda não confirmar.

“Outro ataque terrorista em Londres… Esses animais são loucos e devem ser tratados com dureza e força”, disse em tuíte.

Donald J. Trump

@realDonaldTrump

Another terrorist attack in London…These animals are crazy and must be dealt with through toughness and strength!

Carro atinge barreira na frente do Parlamento Britânico  (Foto: Karina Almeida/ G1)

Carro atinge barreira na frente do Parlamento Britânico (Foto: Karina Almeida/ G1)

Atentados

O Reino Unido foi atingido em 2017 por uma onda de atentados terroristas. Quatro deles foram reivindicados pelo grupo Estado Islâmico, que deixou no total 36 mortos e 200 feridos.

Em março de 2017, a região do Parlamento Britânico foi alvo de um deles. Um carro atropelou pedestres na Ponte de Westminster. Depois, armado com uma faca, o agressor matou um policial. Quatro pessoas morreram no ataque – incluindo o agressor – e 40 ficaram feridas.

Policiais nas ruas interditadas próximas ao Parlamento britânico (Foto: Hannah McKay  / Reuters)

Policiais nas ruas interditadas próximas ao Parlamento britânico (Foto: Hannah McKay / Reuters)


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*