CASA DA MÃE JOANA: Conselheiros do Tribunal de Contas de Mato Grosso recebem vale-livro de 70 mil reais e maior salário do país de R$ 64.300,00.

Órgão também distribui recurso de gratificação

Os Conselheiros do Tribunal de Contas do Estado (TCE) possuem a melhor remuneração do país, pois cada conselheiro recebe R$ 64,3 mil por mês, ou seja, mais de 70% do que estabelece o teto constitucional que é de R$ 39.293.

Segundo especificações, o valor é a soma dos valores dos salários de “R$ 35.462,22, uma gratificação por desempenho de função de R$ 3.831,10, um auxílio-alimentação de R$ 1.150 e um “cotão” para o exercício da atividade de controle externo de R$ 23.873,16”.

Além disso, os servidores recebem uma cota anual chamada de “Vale-Livro”, no valor de R$ 70 mil, que é dividido em duas parcelas. O montante não precisa de comprovação no que foi gasto.

As irregularidades no órgão, que deveria ser um exemplo financeiro para Mato Grosso, são inúmeras, mas o TCE segue argumentando que os bônus com valores exorbitantes e as gratificações destinadas a qualquer membro são justos e estão dentro da Lei.

texto muvuca popular com edição de título de O Melhor da Notícia


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*