CIGARRINHO DO CAPETA: Resolução da ONU deixa de considerar maconha droga perigosa; Brasil é contra

 

A Organização das Nações Unidas (ONU) aprovou uma recomendação para reclassificar a maconha e ampliar seu uso como medicinal, tirando a chamada erva do capeta da lista das drogas mais perigosas.

O Brasil, que vive o drama de ser porta de entrada e saída do tráfico via Bolívia, Colômbia e Paraguai, votou contra.

Propostas para garantir maior liberdade de uso não foram aprovadas na resolução. Além de Brasil, China, Egito, Rússia e Turquia também votaram contra. 27 países votaram pela reclassificação e 25 foram contrários.

Houve ainda uma abstenção. Uruguai, Colômbia, Equador, México, EUA, Canadá e boa parte da Europa votaram a favor.

Fonte: reportermt


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*