Grupo de traficantes que agia como milícia é alvo de operação em Mato Grosso

Foram 10 meses de investigações que possibilitaram a polícia descobrir crimes praticados por ‘associados’ da facção: roubo, tráfico de drogas, associação ao tráfico e homicídios.

Operação Insurgente (Foto: Cristina Mayumi/TV Centro América)

Operação Insurgente (Foto: Cristina Mayumi/TV Centro América)

Uma facção criminosa que agia principalmente no sul de Mato Grosso é alvo da operação ‘Insurgente’, realizada nesta sexta-feira (27) pela Polícia Civil do estado.

A operação ocorre nas cidades de Primavera do Leste, Poxoréu, Rondonópolis, Pedra Preta, Sinop e Alto Araguaia.

Polícia Civil de MT faz operação contra facção criminosa no sul do estado.

Foram 10 meses de investigações que possibilitaram a polícia descobrir crimes praticados por ‘associados’ da facção: roubo, tráfico de drogas, associação ao tráfico e homicídios. Devem ser cumpridos 87 mandados, sendo 56 de prisão preventiva e 31 de busca e apreensão.

As investigações também apontaram que o grupo virou uma espécie de milícia, controlando o comércio legal e ilegal: cobrando taxas de comerciantes para não serem assaltados e cobrando taxas de traficantes proprietários de bocas de fumo.

Os líderes do grupo estão presos na Penitenciária Major Eldo Sá Corrêa, a Mata Grande, em Rondonópolis, e na Penitenciária Central do Estado (PCE), em Cuiabá.

Operação Insurgente em Rondonópolis (Foto: Emerson Sanchez/ TV Centro América)

Operação Insurgente em Rondonópolis (Foto: Emerson Sanchez/ TV Centro América)

As investigações também mostraram a utilização de adolescentes para os crimes e o crescimento das ‘filiações’ de menores de idade para a facção.

Insurgente

O nome da operação, insurgente, vem de que o grupo composto por criminosos que possuem ideologia e opinião contrária às leis.


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*