Mãe e filha morrem de Covid com apenas um dia de diferença

Faleceram Clayane Velozo e a mãe dela, Juraci Gonçalves dos Santos

Mãe e filha moradoras de Primavera do Leste morreram vítimas da Covid-19 com apenas um dia de diferença. Clayane Velozo, de 27 anos, morreu no domingo (7) e a mãe dela, Juraci Gonçalves dos Santos, de 47, nesta segunda (8). As duas estavam na UTI do antigo Pronto Socorro de Cuiabá desde 1º de março.

De acordo com boletim divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES), Primavera já registrou 42 mortes neste ano. No total, 108 óbitos já foram notificados.

A jovem era casada e trabalhava como vendedora. Juraci estava internada desde 20 de fevereiro e precisou ser transferida para uma UTI por conta de piora no quadro de saúde.

Nos primeiros dias de doença de Juraci foi Clayene quem cuidou dela. A filha, porém, acabou se infectando também.

Nas redes sociais, amigos e familiares lamentaram as mortes.

“Meu Deus estamos vivendo dias difíceis aqui na Terra, com muitas perdas inesperadas. Meu senhor Deus essa notícia me deixou muito abalada. Estava conversando com ela [Clayane] há uns dias e ela preocupada com a mãe dela, que estava internada e intubada com Covid”, escreveu uma amiga.

“Todos os dias me mandava o boletim médico, dia 1 quando falei com ela, a mesma ja estava internada pois havia testado positivo para esse vírus maldito. A partir de então foi o marido dela que passou a me dar notícias. Eu pensei: ela é jovem vai sair dessa e ele sempre otimista. Hoje recebo essa notícia, apenas 27 anos. Jovem, alegre e de coração bondoso”.

“Jamais vou esquecer nossas risadas e conversas, seus conselhos, quando iámos para a igreja, o nosso vício (Coca Cola) e a sua pipoca doce. Descanse em paz amiga, estamos todos tristes com sua partida, te amamos”, publicou outra amiga de Clayane.

Fonte: Bruna Barbosa/Mídia News


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*