Mais de 300 pessoas invadem área e montam garimpo em Mato Grosso; vídeo

A Polícia Militar confirmou, há pouco, que ao menos 300 pessoas invadiram uma área de fazenda localizada nas proximidades do distrito Conselvan, a cerca de 11 quilômetros de Aripuanã (216 quilômetros de Sinop) e montaram um grande garimpo para extração de ouro.

Ainda segundo a PM, a área estava sendo explorada apenas por dois homens que descobriram a riqueza. Porém, eles acabaram se desentendendo, divulgado imagens nas redes sociais e atraindo centenas de pessoas para o local.

De acordo com um soldado, policiais da Força Tática de Juína, já foram acionados para reforçar a segurança na região devido a aglomeração de pessoas. Porém, até o momento, não houve necessidade de interversão policial. Também não há informações que o proprietário da área tenha registrado um boletim de ocorrência denunciando a invasão da área.

O chefe da unidade técnica do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) de Juína, Evandro Selva informou que ainda não houve denúncia formal sobre a extração ilegal do minério da área. “O proprietário ainda não apareceu aqui para protocolar ou formalizar essa invasão. Se a área for particular se torna competência do Estado. Agora se for federal, será competência nossa. Neste caso, o Ibama não pode interferir já que não é flagrante”.

O promotor de justiça de Aripuanã, Carlos Frederico disse, em entrevista, que Ministério Público tem conhecimento da invasão desde terça-feira. “Nós registramos a notícia do fato, realizamos algumas ações preliminares e encaminhamos para o Ministério Público Federal. Essa situação é de competência deles. Além disso, está sendo comunicado a secretaria de Segurança Pública (Sesp), Secretaria Estadual de Meio Ambiente (Sema) e outros órgãos para exercerem a fiscalização ambiental”.

O promotor explicou que também existe uma preocupação com segurança devido ao aumento expressivo de pessoas na região. “Nos últimos dias, se percebeu um aumento muito grande na cidade. Alguns empregados sem prévio aviso deixaram os empregos para se aventurarem no garimpo. Essa aglomeração de pessoas também nos preocupa e causa certa insegurança aos moradores do município”.

Fonte: Só Notícias


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*