Mulher desaparecida há 16 dias é encontrada morta; Marido é suspeito

Segundo familiares, o marido mentiu que Maria Regina Reis Padilha tinha viajado. O corpo da vítima foi encontrado em um terreno baldio.

Familiares acusam o marido de Maria de ter cometido o crime.

O corpo de Maria Regina Reis Padilha, 45 anos, foi encontrado em estado de decomposição num terreno, no Bairro Jardim Glória, no município de Nobres (a 146 km de Cuiabá). Ela estava desaparecida há 16 dias e o principal suspeito de ter cometido o crime é o marido dela.

Nas redes sociais, familiares e amigos apontam que C.A.P. matou Regina.

“Esse monstro assassinou brutalmente a minha prima Maria Regina Reis Padilha. Venho pedir ajuda de todos vocês, meus amigos do Facebook, que compartilhem para que a polícia coloque as mãos nesse monstro covarde”, escreveu uma prima, adicionando duas fotos do suposto assassino ao pedido.

Familiares também disseram que C.A.P. havia informado que Maria tinha viajado e por isso não dava notícias. O acusado, no entanto, também desapareceu.

O corpo da vítima foi encontrado por vizinhos, que sentiram o mau cheiro que vinha de um terreno baldio que fica próximo onde o casal morava.

O corpo foi encaminhado para perícia, onde exame de necropsia busca identificar a causa da morte.

O caso é investigado pela Polícia Civil de Nobres.

fonte: reportermt


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*