Município de Itanhangá sobe no ranking de maturidade do controle interno no quesito gestão de medicamentos e hoje está em sexto lugar no Estado de Mato Grosso

Esta avaliação é realizada pelo TCE-MT com o objetivo de aferir as reais condições da gestão de medicamentos, de maneira ampla, analisando desde planejamento e execução de compras, até controle dos estoques, dispensações e cuidados com armazenagem e conservação; a avaliação é feita anualmente.

    Para tanto foi elaborado pela gestão da SMS, por orientação do controle interno do município, um Plano de Ação baseado na Matriz de Riscos e Controles – Logística de Insumos da Saúde, no intuito de favorecer e certificar que o planejamento e desenvolvimento das ações da assistência farmacêutica seja realizado em conformidade com as normas legais, contemplando as metas, cronograma e indicadores. Segundo a gestora, a metodologia do Programa APRIMORA do TCE-MT venho para literalmente aprimorar a gestão de medicamentos de forma geral, disse ainda que é imprescindível a elaboração de um planejamento sólido, porem e necessário dar suporte á equipe para que possa escutar as atividades previstas no plano e destacou que o comprometimento da equipe de assistência farmacêutica foi e é determinante para termos alcançado o sexto lugar, dentre os 141 municípios avaliados e continuar a galgar mais degraus nesta avaliação.

fonte: Ascom P.M. de Itanhangá


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*