Pai é morto e filho de 3 anos baleado dentro de casa em Cuiabá e suspeitos do crime escrevem sigla de facção com sangue em parede

Homem de 41 anos foi atingido na cabeça e morreu. Sangue usado para escrever em parede seria da vítima, segundo a polícia.

Casa onde vítima foi morta (Foto: PM-MT/ Divulgação)

Casa onde vítima foi morta (Foto: PM-MT/ Divulgação)

Um homem de 41 anos foi morto e o filho dele, de 3 anos, baleado, na casa da família, no Bairro Altos da Serra, em Cuiabá, nesta quarta-feira (6). A criança teve ferimentos no braço e foi encaminhada para o hospital, segundo a Polícia Militar.

Na parede da casa, os criminosos escreveram a sigla de uma facção criminosa, supostamente usando o sangue de Daniel da Silva Guia, o morador que foi assassinado, conforme a PM.

A PM informou que foi até o local depois de ter recebido um chamado de que havia ocorrido um homicídio, na Rua Rui Barbosa e, ao chegar na residência, encontrou a vítima morta na sala, com marcas de tiros na cabeça.

Na casa, também estava a criança, com ferimentos no braço esquerdo, após ter sido atingida com um disparo.

Daniel da Silva Guia, de 41 anos, foi atingido na cabeça e morreu (Foto: PM-MT/ Divulgação)

Daniel da Silva Guia, de 41 anos, foi atingido na cabeça e morreu (Foto: PM-MT/ Divulgação)

A mãe levou a criança para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), do Bairro Morada do Ouro, na capital, aparentemente sem risco de morte, segundo a polícia.

A PM isolou a área e acionou a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) e a Polícia Civil para analisar as circunstâncias do crime.

Testemunhas relataram à polícia terem visto um veículo de passeio, de cor preta, parado em frente a residência. No entanto, quando a polícia chegou, não havia mais ninguém no local.


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*