Polícia prende médico acusado de espancar ex-namoradas em Cuiabá

Emilson Miranda Junior, 30 anos, é acusado de ameaçar e agredir empresária e uma professora com quem manteve relacionamentos.

Emilson foi preso em Santo Antônio do Leverger na tarde de segunda-feira.

A Delegacia Especializada de Defesa da Mulher (DEDM) de Cuiabá, da Polícia Judiciária Civil, cumpriu o mandado de prisão preventiva contra o médico, Emilson Miranda Júnior, na tarde de segunda-feira (25). O suspeito, de 30 anos, foi preso pelos policiais civis no município de Santo Antônio do Leverger (34 km ao Sul).

A ordem de prisão preventiva foi decretada pelo juízo da 2ª Vara de Violência Doméstica de Cuiabá, após representação da Polícia Civil, pelas práticas reiteradas de violência doméstica cometidas contra as vítimas. O médico é acusado dos crimes de injúria, ameaça e lesão corporal no âmbito da violência doméstica.

PUBLICIDADE

Dentre as vítimas está uma empresária, ex-mulher de juiz, que foi espancada no dia 14 deste mês por, supostamente, dizer que o médico usava drogas. Ele também teria ameaçado matar a filha da vítima.

Outro caso

Em 2017, uma professora teve a casa invadida e também foi espancada pelo médico. Ela namorava há alguns meses. À época, a professora ainda relatou que o agressor ameaçou divulgar um vídeo íntimo dos dois. Ele chegou a ser detido, mas foi liberado após prestar depoimento na delegacia.

Os fatos foram consubstanciados no inquérito instaurado pela DEDM-Cuiabá e conduzido pelo delegado Paulo Rubens Vilela. O suspeito teve o pedido de prisão deferido, sendo cumprido pelos investigadores de polícia da Especializada no final da tarde de segunda-feira (25).

fonte: reportermt


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*