Sinop: mulher baleada pode ajudar polícia esclarecer execução de homem com 6 tiros

Os policiais do Departamento de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP) da Polícia Civil começam a ouvir, esta tarde, testemunhas que podem ajudar a elucidar o assassinato de Niley Gomes dos Reis Mourão, 26 anos, atingindo por pelo menos seis tiros na cabeça, em uma residência, no bairro São Cristóvão, ontem de madrugada. As informações foram confirmadas pelo investigador Wilson Cândido de Souza, ao Só Notícias.

Uma jovem, de 20 anos, que estava com Niley, também será ouvida. Ela foi baleada no braço e precisou ser levada ao Hospital Regional pelo Corpo de Bombeiros. O atual estado de saúde dela não foi divulgado. A mulher deverá apontar todos os detalhes do crime e as características do acusado de efetuar os disparos. Até o momento, ninguém foi preso.

Segundo informações da funerária Luz e Vida, o corpo de Niley está sendo na capela da funerária Luz e Vida, na avenida das Embaúbas, no centro. O sepultamento está previsto para hoje.

fonte: sonoticias


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*