TRE reprova por unanimidade contas de campanha da senadora Selma Arruda

Os desembargadores e juízes que compõem o pleno do Tribunal Regional Eleitoral reprovaram, há pouco, por unanimidade as contas da senadora eleita por Mato Grosso, Selma Arruda (PSL), que toma posse no Senado, semana que vem. A decisão seguiu parecer do Ministério Público. O procurador regional eleitoral, Pedro Melo Pouchain Ribeiro, responsável pelo parecer cita como irregularidades a omissão de despesas de campanha “quitadas via caixa dois, no importe total de R$ 927,8 mil, o que corresponde a pouco mais de 54% dos gastos oficialmente contabilizados”.

O parecer ainda alega que o gasto “tipicamente eleitoral” foi pago com recursos financeiros “obtidos mediante ’empréstimo’ ou caixa dois, em valor equivalente a 50% do limite de gastos (R$ 3 milhões)”.

Pedro Melo cita o parecer técnico do Tribunal Regional Eleitoral em relação aos “abastecimentos e pilotagem da aeronave cedida, caracterizando omissão de gastos de campanha, os quais deveriam ser registrados no ato da sua contratação”.

Conforme o documento, a falta da apresentação dos contratos celebrados para os serviços prestados no decorrer da campanha eleitoral prejudica o exame das contas, apesar da comprovação dos pagamentos.

O parecer ainda traz doação financeira de valor não recebido por transferência bancária e de despesas pagas antes do período eleitoral.

A assessoria da senadora informou, há instantes, que ela vai recorrer da decisão. Ela está em Brasília trabalhando na formação de sua equipe.

fonte: Só Notícias/Gazeta Digital


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*