TRE reúne líderes de igrejas para alertar sobre abuso do poder religioso

 

Representantes da Justiça Eleitoral vão se reunir com líderes religiosos (Católica; Igrejas Protestantes – Batista, Presbiteriana, Assembleia, Luterana, Deus é amor, Adventista, Universal, Quadrangular, Comunidade Cristã do Brasil, dentre outras-; Espírita; Islâmica; Busdista e Umbanda, para alertar sobre o uso das instituições nas eleições deste ano.

O encontro será na sexta-feira (13), no plenário do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), das 14h às 17h.

“É preciso reconhecer a influência das organizações religiosas na formação, mobilização e engajamento político dos indivíduos. As organizações religiosas desempenham um papel expressivo como instituição espirituais e sociais, sendo esta última a que nos interessa, pois pode ser utilizada para uma célere e intensa mobilização no combate à corrupção e ao fortalecimento da cidadania e da democracia”, afirmou o presidente do TRE, desembargador Márcio Vidal.

Durante a reunião, a equipe técnica da Justiça Eleitoral apresentará aos líderes religiosos as normas aplicáveis ao processo eleitoral, em especial, as que dizem respeito às condutas vedadas e às questões relacionadas ao abuso do poder religioso. Os participantes também assistirão uma palestra sobre os aplicativos Caixa 1, Pardal e Soberano, criados pela Justiça Eleitoral, para combater várias formas de ilícitos eleitorais.


Comentários

Publicidade de Exemplo

Veja Também

Deixe um Comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos obrigatórios estão marcados *

*